• Português
  • English
  • Español
  • Français

Você está aqui

Histórico

Nos dias que antecederam aos fóruns sociais mundiais realizados em Porto Alegre/Brasil em janeiro de 2002 e 2003 e em Mumbai/Índia em 2004, foram organizados fóruns internacionais dedicados à defesa da saúde dos povos e a afirmação do direito universal à saúde.

Aqueles eventos, chamados de Fórum Internacional em Defesa da Saúde dos Povos (FIDSP), foram liderados em sua organização inicial pela Associação Latino Americana de Medicina Social – ALAMES, com o protagonismo de um leque amplo de organizações, e a partir de 2003 contaram com o apoio e convocatória conjunta do Movimento pela Saúde dos Povos – PHM (People’s Health Movement), o qual foi o principal organizador do evento em Mumbai em 2004.

A principal intenção daquelas iniciativas foi lançar uma convocatória mundial a todos os movimentos sociais para que se mobilizassem em torno da defesa do direito à saúde e à atenção à saúde de todos e todas, desenvolvendo o espírito do movimento do Fórum Social Mundial, como um processo aberto e capaz de dialogar com todos os movimentos e pessoas comprometidas eticamente pelo direito universal, integral e equitativo à saúde.

Em um avanço constante e seguro, foram realizados os dois fóruns em Porto Alegre evoluindo até 400 participantes e 24 países em 2003, para se alcançar em Mumbai a marca de 700 participantes de 50 países. O III Fórum Internacional em Defesa da Saúde dos Povos de Mumbai reforçou a ideia aprovada em Porto Alegre em 2002 e 2003, quando houve a decisão de se realizar o I Fórum Social Mundial da Saúde com o propósito de construir uma agenda para a ação com o objetivo principal de apoiar a formulação e a construção de reformas alternativas do setor saúde, orientadas para a organização de sistemas públicos nacionais de saúde e seguridade social.

Essa iniciativa do Fórum Social Mundial pela Saúde guarda relação direta e estreita com o Movimento pela Saúde dos Povos – PHM, buscando reforçar sua agenda no campo das reformas dos sistemas de saúde e seguridade social e fortalecendo a convocatória para a II Assembleia Mundial de Saúde dos Povos realizada em Cuenca - Equador em julho de 2005. O Movimento pela Saúde dos Povos estruturou-se em torno da I Assembleia Mundial de Saúde dos Povos realizada em Bangladesh em dezembro de 2000.